Anúncios
Comportamento

5 erros que cometemos com nossos cachorros

Apesar das boas intenções, nem sempre acertamos na hora de educar e disciplinar nossos cachorros e criamos hábitos dos quais vamos querer nos livrar logo logo. Conheça 5 hábitos que devem ser mudados na sua relação com seu cachorro.

40
Crédito foto: aspca.org.com

Todos nós, quando adotamos ou compramos um cãozinho, planejamos o melhor para ele e temos em nossa mente um ideal da educação que queremos dar ao nosso filhote. No entanto, existem algumas informações sobre a criação dos cachorros que são reproduzidas há tempos e que acabamos por tomar por verdades.

Cabe a nós, pais de cachorros, deixarmos alguns erros para trás, já que hoje dispomos de muito mais informação sobre nossos pets, graças a pesquisas e especialistas em comportamento animal.

Confira abaixo alguns hábitos a serem mudados e que podem não ser tão bons para seu melhor amigo quanto você pensa.

Não caia nos apelos dele por comida na hora da sua refeição. Muitos cães, principalmente nos primeiros meses de vida, ficam loucos quando estamos comendo. Não importa o menu do dia, eles vão querer! E vão usar todos os artifícios de que dispõe para te convencer a dar um pedacinho do bolo de chocolate. Não caia nessa! Aconteça o que acontecer, não importa se latirem, chorarem, pularem… não dê comida a eles. Saiba que se ganhar comida ao pedir, seu cão entenderá que será recompensado toda vez que fizer aquela cena. Ignore-o e só recompense-o se ele ficar quieto durante suas refeições.

Não reforce os medos dele. Muitas situações deixarão seu cachorro com medo. Trovões, fogos de artifício,água, banho… Como ele conhece e confia em você, a tendência é que ele procure seu apoio, buscando se sentir seguro com seu dono. Pegá-lo no colo ou dar carinho, recompensando-o, apenas reforçará a ideia de que aquela situação é perigosa. Permaneça calmo e aja de forma a tirar seu melhor amigo daquele problema. Como somos referência de comportamento para nossos animais, você deve passar segurança ao cão, mostrando que ele não tem o que temer. Fazer alguma atividade que ele gosta também pode ajudá-lo a se distrair.

Um cão não precisa de companhia 24 horas por dia. É totalmente compreensível você querer passar todo seu tempo com seu cachorro, principalmente se ele é uma microbola de pelo saltitante te seguindo pela casa. Se você é desses que cedem à vontade e fica 24 horas com seu filhote, precisa saber uma coisa: a vida exige que você saia de casa, trabalhe, vá ao banco, à faculdade etc., então é inevitável que o cãozinho fique sozinho, às vezes por muitas horas. Se você não acostumá-lo desde cedo, é grande a chance de ele chorar, destruir móveis, arranhar a porta e arrumar um problemão com a vizinhança. Então mantenha sua rotina quando o filhote chegar e deixe sempre brinquedos estimulantes para ele ao sair de casa. O importante é: nunca recompense-o enquanto ele estiver chorando ao ver a porta do apartamento fechar. Uma boa saída é ensinar o cão a ficar sozinho em determinados cômodos, mesmo quando tiver gente em casa. Deixe-o em um dos quartos enquanto assiste TV na sala, por exemplo. E não ceda, mesmo que ele implore.

Não deixe o cão controlar o passeio. Um erro constante e bem fácil de ser visto pelas ruas é um dono se deixando arrastar por seu cachorro rua abaixo. Se isso acontece com você e seu peludo é porque, na hora do passeio, ele está agitado e muito ansioso. Para um passeio mais relaxado, é preciso que ele entenda que deve andar ao seu lado, sem puxar a guia. Tente interromper a caminhada toda vez que ele ficar tão agitado e só volte a se movimentar quando ele se acalmar e andar ao seu lado. Não é uma tarefa fácil, mas vale o esforço. Essa ansiedade pode ser resultado de menos passeio e exercícios do que ele precisa, então experimente aumentar o tempo ou a frequência das voltas pela vizinhança.

Reconheça o que ele fizer de bom. As pessoas frequentemente se esquecem de recompensar os animais por seu bom comportamento, no entanto, ninguém se esquece de brigar com eles quando agem de forma negativa. Saiba que isso os deixa confusos, de forma que eles não sabem como acertar.

Anúncios

0 comentário em “5 erros que cometemos com nossos cachorros

%d blogueiros gostam disto: