Anúncios
Guia de raças

American Staffordshire Terrier: Puro amor em uma carinha de invocado

Mesmo com feições que podem assustar quem não está acostumado com eles, os American Staffordshire Terrier são um poço de amor, carinho e lealdade. Então para deixar de lado qualquer ideia errada sobre a raça, não deixe de ler este post!

Apesar de muitas pessoas confundirem o American Staffordshire Terrier com o Pit Bull, eles são cães bem diferentes, tanto na aparência quanto no temperamento. Hoje muito populares, esses cães estão pouco a pouco derrubando sua fama de violentos e agressivos, mas essa ideia surgiu apenas por causa de sua força e vigor. No entanto, o desenvolvimento da raça resultou em cachorros muito calmos e gentis, indo de encontro com a ideia antiquada de se tratar de animais de má índole — impressão passada pela prática de colocar esses peludos em rinhas.

O temperamento do American Staffordshire Terrier

Mesmo com aquele porte e a cara que pode dar medo, o American Staffordshire Terrier é um cão com ótimo temperamento. Ele é geralmente apaixonado por sua família, se mostrando com frequência um cão carinhoso e atencioso — e isso inclui as crianças da casa, com quem ele adora brincar. No entanto, as brincadeiras com as crianças menores devem ser acompanhadas de um adulto, já que os exemplares da raça são muito fortes e robustos.

Estes cães tendem a ser muito amáveis mesmo com estranhos, mostrando seu poder de adaptação e toda sua sociabilidade. Mas a nossa dica em relação a isso é que, ao ser exposto à presença de pessoas desconhecidas, o cachorro esteja sempre na presença de alguém da família, pelo menos a princípio.

O que muitos podem considerar uma parte não tão boa da personalidade dos peludos dessa raça é que eles costumam ser vistos como teimosos e obstinados a realizar as atividades que desejam — por isso precisam de limites desde o início. No entanto, essa fama não condiz com a realidade, já que parte dela vem de maus hábitos dos próprios donos, que demandam tarefas não adequadas à origem do cão, criado para caça e companhia. Sendo assim, isso faz com que seu treinamento demande um pouco mais de paciência e perseverança — principalmente se for feito quando o animal está em um pico de energia ou de barriga cheia. Mas eles são espertos e aprendem truques com facilidades — principalmente quando são bem recompensados por isso!

Trata-se de um cão muito corajoso, dificilmente assustado por fatores externos. Esses últimos pontos de sua personalidade fazem do carinho e atenção da família indispensáveis para garantir um cão educado e controlado.

A saúde dos cães da raça

Em geral, esses cães são saudáveis, mas algumas doenças são mais comuns à raça. Você deve se manter alerta em relação a alguns problemas de má formação cardíaca — conheça boa parte da linhagem do canil em que comprar o seu cão —, que dão sinais ao longo da vida. Problemas oftalmológicos também são relativamente comuns nos cachorros American Staffordshire Terrier, bem como disfunções da tireoide. Mas, na maior parte dos casos, essas questões têm sucesso com tratamentos simples.

A falta de exercícios também pode causar problemas musculares e ósseos nesses peludos, que precisam de muita atividade física.

Cuidados necessários com o American Staffordshire Terrier

Para começar, é importante ressaltar que a educação do animal comece desde filhote, logo que ele chegar à nova casa. Dessa forma, a chance de você ter problemas de comportamento com ele cai muito, já que o American Staffordshire Terrier responde bem a treinamentos. É nessa fase também que você deve começar a socializá-lo com pessoas de fora da família, crianças e outros animais.

Os passeios e treinamento diários com ele são essenciais. Esta raça é muito ativa, cheia de disposição e energia, porém, por terem muita massa muscular, são animais pesados e podem cansar rápido. Então fique atento em dias de calor e, aos poucos, acostume seu cão às  corridas e longas caminhadas. Atividades diárias (físicas e mentais) evitarão problemas de comportamento, como rebeldia, preguiça e até agressividade.

A comida deve ser controlada, de preferência disposta ao cão apenas duas vezes por dia para cachorros adultos e três a quatro vezes no caso dos filhotes. Ele tem tendência a engordar, e há muitos casos de exemplares da raça com problema de obesidade na velhice.

Este é um cão mais rústico, então não são necessários muitos cuidados com sua pelagem etc., mas uma escovada por semana será muito bem-vinda.

Os American Staffordshire Terrier são cães ideais para famílias que contam com pelo menos com um membro ativo e que goste de programas ao ar livre. Além disso, são ótimos companheiros e cães de guarda. Essas informações o ajudarão a tomar a decisão de ter (ou não) um desses em casa.

American-Staffordshire-Terrier-no-gramado
Crédito foto: Shutterstock

 

Anúncios

0 comentário em “American Staffordshire Terrier: Puro amor em uma carinha de invocado

%d blogueiros gostam disto: