Saúde e alimentação

O que fazer quando seu animal ingere algum objeto ou um corpo estranho?

É comum que o bichinho possa ingerir objetos estranhos, mas, dependendo da situação, há chances de os danos serem permanentes. Por isso, é fundamental sempre observar o comportamento dele e seguir algumas regrinhas para facilitar sua recuperação. Confira aqui algumas dicas importantes sobre esse assunto!

Poucas coisas na vida são tão boas quanto ter um pet. Chegar em casa depois de um dia longo e ser recebido por seu animal de estimação é reconfortante e renovador. Mas às vezes os bichinhos aprontam e dão aquele susto. Um dos mais comuns e preocupantes é quando eles ingerem algum objeto que não deveriam. Os especialistas definem corpo estranho como qualquer material engolido que não pode ser digerido – como pedras, plásticos e brinquedos.

Geralmente, os animais apresentam sinais que indicam o quadro, mas nem sempre é assim. Alguns objetos podem permanecer no estômago ou intestino dos pets, sem causar estragos internos ou externos. Mas os donos precisam ficar atentos já que as consequências podem ser sérias. Abaixo, reunimos informações e dicas para que você e seu pet não passem por muitos problemas. Confira!

Identificando o corpo estranho

O corpo estranho tem duas classificações: os já citados – brinquedos, madeiras e plásticos – e o linear. Ambos são quando o animal ingere algo que cause danos à superfície interna que mantém contato. Um exemplo de corpo linear é quando um gatinho engole uma linha e ela fica pendurada para fora da boca ou do ânus. O objeto pode se fixar em alguma parede do intestino e não seguir o trânsito natural, ocasionando assim o sanfonamento do órgão.

Comportamento 

Cada organismo vai reagir de maneira diferente à ingestão de um objeto indesejado. Muitas vezes, o bichinho consegue expulsar durante as fezes ou vômito. Em outras, é necessária a ajuda de um profissional. Por isso, é fundamental observar o comportamento do animal e ficar de olho nas mudanças. Se ele estiver inquieto, agitado, prostrado ou com desconforto abdominal, algo não está bem e precisa ser feito.

Fezes e Urina

Prestar atenção na consistência, coloração e no cheiro da urina e/ou das fezes também ajuda na hora de identificar a presença de um objeto estranho no organismo do bichano. Xixi claro ou escuro demais às vezes é sinal de intoxicação, que pode ser causada pela química do material ingerido ou toxemia bacteriana, por exemplo. Caso note uma ponta do corpo estranho para fora e alguma resistência quando for puxar, não force de jeito algum. Ela pode estar presa em alguma parte do intestino e causar uma grave lesão durante a tração.

Ida ao veterinário

Após identificar algum comportamento diferente é hora de ir a um especialista, principalmente se os sinais persistirem. O animal terá a sua disposição o conhecimento do veterinário e fará exames específicos, como ultrassonografia, radiografia e até mesmo uma endoscopia. Às vezes, dependendo do tamanho e se não tiver aderido à mucosa, o material já é retirado na própria endoscopia.

O que não fazer

Você pode achar que está ajudando o seu animal de estimação, mas não dê água, leite ou outra substância líquida para ele. Os líquidos podem acelerar ainda mais a absorção de corpo estranho. No caso de objetos lineares, como já alertamos, NUNCA os puxe se estiver aparecendo, seja pela boca ou pelo ânus.

Mais uma vez, a gente lembra que as atitudes no lar são em caso de urgência e buscar um profissional qualificado é sempre a melhor opção. Torcemos para que você e seu pet não passem por essas situações e possam curtir e aproveitar muito a presença um do outro.

cachorro-preto-deixado-no-chão

0 comentário em “O que fazer quando seu animal ingere algum objeto ou um corpo estranho?

%d blogueiros gostam disto: